Sobre a Rede

Rede Internacional em Estudos Culturais (RIEC), constitui-se como um organismo composto por dez instituições de investigação e docência de nível superior, dedicado ao desenvolvimento de ações de investigação, inovação, formação e difusão dos Estudos Culturais, articuladas a partir da colaboração já existente e fortalecida ao longo da última década com instituições sediadas na América do Sul e em África, vinculados de diversas formas ao CLLC.

Neste momento, dada a consistência e amadurecimento dessas parcerias que de facto já atuam como uma rede de cooperação, faz sentido constituirmos oficialmente a RIEC, por forma a passarmos a um modo formal e institucional de funcionamento, que nos possibilitará uma ainda maior capacidade de trabalho e abrirá caminho para uma futura ampliação geográfica da RIEC, sempre em prol da reflexão crítica e interdisciplinar que caracteriza os Estudos Culturais.

Os Estudos Culturais reconhecem a premente necessidade de descolonizar o pensamento, uma das tarefas candentes no processo de re-imaginação do mundo, que passa, atualmente, pela procura de um pensamento estratégico que inclua uma reflexão sobre o colonialismo, o pós-colonialismo e a decolonialidade. Esta, dever ser transversal às questões de género, raça e classe, das tecnologias do humano e do pós-humano, da cosmopolítica, dos problemas da globalização cultural e económica e de todas as demais temáticas possíveis dentro dos Estudos Culturais.

Esta tarefa primeira, e mesmo propedêutica a qualquer construção gnoseológica, de descolonizar o pensamento hegemónico onde quer que ele se revele, não pode deixar de implicar as academias, locci de produção do saber e do conhecimento da realidade cultural, política e social.

RIEC, vem, portanto, facilitar o estudo de problemas e oportunidades comuns relacionadas com os Estudos Culturais, reforçando a cooperação na investigação e da implementação de projetos de formação universitária e de produção científica que superem a capacidade de cada instituição individualmente e que contribuam para a descentralização da produção científica e para a horizontalidade entre parceiros individuais e institucionais.

Como ação inaugural da formalização desta rede, propomos a realização do I Congresso Internacional da RIEC, a realizar em Angola, em agosto de 2020, com a presença de um conjunto de investigadores do CLLC pertencentes também à rede, que serão recebidos em Huíla pelos parceiros do Instituto Superior Politécnico Independente Cristo Rei.

Objetivos da RIEC

  1. Contribuir para o desenvolvimento humano (pessoal e comunitário) mediante a formação, investigação, extensão e difusão dos Estudos Culturais;
  2. Responder aos desafios que este campo de ação, investigação e educação coloca, na sociedade atual;
  3. Divulgar, entre a comunidade científica e a sociedade em geral, as contribuições que os Estudos Culturais oferecem aos problemas das sociedades contemporâneas;
  4. Propor caminhos e contribuir para a partilha de conhecimentos e contribuições da comunidade científica dos Estudos Culturais, através de publicações e eventos científicos de grande impacto em cada um dos países envolvidos;
  5. Fomentar a descentralização dos centros de produção científica e contribuir para o fortalecimento das potencialidades de cada um dos parceiros.

Áreas de atuação da RIEC

  1. Investigação, geração, gestão e transferência de conhecimento nas diferentes temáticas dos Estudos Culturais;
  2. Formação e qualificação dos profissionais que trabalham no campo Estudos Culturais;
  3. Desenvolvimento de centros de estudos e equipas que abordem as temáticas relacionadas com os Estudos Culturais nos diversos países membros da rede.

Estratégias para a consolidação

  1. Execução de Projetos conjuntos de formação, investigação, inovação e difusão;
  2. Desenho e implementação de um sistema integrado de informação e gestão do conhecimento, em primeiro lugar através de um site da RIEC, uma reunião da rede e um Congresso anual;
  3. Promoção e gestão da integração de novos membros;
  4. Promover a presença da RIEC em eventos, fóruns e congressos de prestígio e sua participação em redes que potencializam a sua projeção e articulação internacional;
  5. Promover o desenvolvimento do campo dos EC por meio da consolidação do campo e da formação de investigadores em cada uma das instituições parceiras.

Membros Fundadores

  1. Universidade de Aveiro (Portugal) – direcção
  2. Instituto Superior Politécnico Independente Cristo Rei (Angola)
  3. Universidade Federal do Paraná (UFPR – Brasil)
  4. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG – Brasil)
  5. Universidade de São Paulo (USP – Brasil)
  6. Universidade Federal Fluminense (UFF – Brasil)
  7. Universidade Federal do Pará (UFPA – Brasil)
  8. Universidade Estadual do Norte Fluminense Darcy Ribeiro (UENF – Brasil)
  9. Universidade de Cabo Verde (UniCV – Cabo Verde)
  10. Universidade Eduardo Mondlane (UEM – Moçambique)