Percursos profissionais de pessoas doutoradas em Ciências Sociais e Humanas: o caso de Portugal

Heloísa Perista, Pedro Perista, Dominique Vinck

Resumo


Apesar de ser comum afirmar-se que a integração de pessoas doutoradas fora do meio académico está a ser incentivada, a realidade demonstra que estas continuam a trabalhar maioritariamente no sector do ensino superior e da investigação. Indicam neste sentido os dados analisados neste artigo, que explora as trajetórias profissionais de mulheres e de homens com doutoramento no domínio das Ciências Sociais e Humanas (CSH), em Portugal, procurando, nomeadamente, compreender os processos que envolvem as suas experiências de mobilidade sectorial. Uma primeira fonte de informação resulta da aplicação de um questionário on-line a pessoas doutoradas em CSH. Uma segunda tem como base a realização de 25 entrevistas em profundidade a pessoas que responderam a esse questionário. Particular enfoque é dado às suas principais motivações e expetativas em termos profissionais.

Palavras-chave


Doutoramento; trajetória; percurso profissional; Ciências Sociais; Humanidades; mobilidade

Texto Completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.